Medição de Nível – 3 perguntas que você precisa responder

Marcel de Roure
Por Marcel de Roure CEO e Engenheiro Chefe na Lince | Automação e Controle Publicado em Atualizado em

Devido à grande variedade de medidores de nível disponíveis no mercado, selecionar o dispositivo correto para sua aplicação especificamente pode ser difícil.

Apesar da maioria das tecnologias de medição de nível ser adaptável para mais de uma condição operacional, é fundamental conhecer o ambiente onde o medidor irá operar, de forma a maximizar o sucesso da aquisição.

Cabe a todo bom profissional da Instrumentação Industrial saber a hora de investir em medição de nível.

Fazendo as perguntas certas, e compreendendo algumas características básicas da aplicação, o usuário pode restringir o leque de opções consideravelmente e determinar qual dispositivo funcionará melhor no seu processo.

Vamos às perguntas que irão te ajudar na hora de lidar melhor com a medição de nível.

Preparamos três perguntas fundamentais para você tentar resolver e levar em consideração na hora de avaliar se a sua instrumentação precisa ou não ser revista.

1. A Medição de Nível lida com altas pressões e temperaturas?

Alguns dispositivos de medição de nível suportam altíssimas temperaturas, já outros, são projetados para operar com máxima confiabilidade sob alta pressão.

Os limites de operação afetam diretamente a seleção do dispositivo.

Portanto, essa é uma das primeiras informações que devem permear a sua análise.

2. Há movimento de produto por agitação ou mistura no seu processo?


Se você faz a sua medição de nível com radar ou ultrassom provavelmente terá problemas
.

A precisão na medição de nível com tecnologias tipo radar e ultrassom sofre muito por conta de turbulência no produto.

Estes sistemas exigem que um sinal de retorno seja refletido a partir da superfície do produto.

Quando se trata de processos complexos, o sinal pode ser enfraquecido ou não retornado e assim afetando a confiabilidade da medição.

Por isso tecnologias de medição por contato podem ser uma boa opção.

Para saber mais sobre qual medidor é o mais adequado para a sua operação temos um artigo que dá dicas rápidas sobre medição de nível.

A tecnologia RF Admitância, apesar de não ser ideal para faixas muito longas de medição (100m+), são ideais para realizar a medida em situações onde há agitação e mistura no meio a ser mensurado.

3. Existe incrustação, pó em suspensão, espuma ou interfaces na sua operação?

A incrustação do produto, pó em suspensão, espuma ou interfaces complexas, podem afetar negativamente a precisão do controle de nível, dependendo da tecnologia selecionada.

Por exemplo, partículas sólidas suspensas podem entupir alguns dispositivos.

A espuma é um consideração fundamental para a medição, pois alguns processos precisam medir no topo da espuma, enquanto outros precisam medir o nível abaixo da espuma.

Já a incrustação pode ser uma grande dor de cabeça caso a seleção da chave de nível tenha sido inadequada, ocasionando alarmes falsos nos sistemas de nível pontual.

E para finalizar, interfaces complexas, ou seja, características físico-químicas diferentes do produto, podem ser um desafio para a medição de nível.

Investir seu tempo em entender a importância da medição de nível vale muito a pena para evitar os temidos gargalos de produção. Isso mesmo, aqueles problemas que são um empecilho para a produtividade da indústria que você atua.

Gargalo de produção é o nome dado aos contratempos que atravancam os processos produtivos de uma determinada planta. Eles atrapalham a qualidade dos produtos e interferem a produtividade da indústria. Um gargalo pode surgir em qualquer etapa de um processos industrial, resultando na redução do desempenho da equipe e impactando negativamente os resultados do setor ou até mesmo da empresa como um todo.

A automatização bem como a escolha dos melhores instrumentos na medição de nível feita de maneira correta ao longo de um processo industrial faz toda a diferença na produtividade de uma instalação.

Para garantir a sustentabilidade ambiental e financeira da planta que você trabalha diariamente, é imprescindível estar equipado com instrumentos que forneçam uma medição com alta confiabilidade e precisão.

Esperamos ter ajudado você a responder as 3 perguntas fundamentais sobre medição de nível!

Apontamos as principais questões para você ficar de olho na qualidade dos sistemas de medição de nível que você está utilizando.

Obrigado pela leitura de todo esse material preparado especialmente para você que está diariamente em instalações industriais.

Assine nossa newsletter, baixe nosso eBook e fique por dentro dessa e de outras novidades sobre o universo da Instrumentação Industrial.

Quer contar com a sua instrumentação com a LINCE no seu processo?

Guia Definitivo de Medição de Nível - Banner

Compartilhe

Cadastre-se para receber conteúdo em primeira mão.